O Fundo do Poço

O que leva um ser humano a chegar ao fundo do poço? A se entregar ao vício, ao crime e aos mais baixos instintos que uma pessoa pode ter? O que faz com que você se entregue à criminalidade, ao álcool e às drogas?

Fraqueza? Falta de fé? Falta de personalidade? Influencia dos amigos? Falta de amor próprio? Falta de estrutura familiar? Ausência de Deus no coração? Vazio interior? Falta de vontade de viver? Falta de perspectivas de vida? Talvez um pouco de tudo isso...

Não sei explicar como tudo começou, mas como tantos outros que por aqui já passaram, me envolvi com o vício, com o crime, fazia qualquer coisa para satisfazer minha vontade, minha compulsão pelas drogas. E me envolvi numa trama difícil, triste e sem volta.

Deus foi muito bom comigo e me enviou socorro depois de anos de sofrimento, depois de anos rastejando como um bicho, perseguindo usuários de drogas encarnados para satisfazer o meu vício, já que eu não tinha mais um corpo de carne e não podia mais comprar e consumir drogas diretamente. Deus me enviou amigos espirituais que me tiraram deste ciclo vicioso e me deram ajuda, tratamento e amparo espiritual e esclarecimentos.

Fiz muita coisa errada das quais me arrependo. Se eu pudesse voltar atrás eu jamais me envolveria com drogas novamente. Eu procuraria manter a minha mente vigilante, ocupada com coisas boas e procuraria me aproximar mais de Deus, da minha família, que eu tanto desprezei, que eu nunca compreendi e que tanto fiz sofrer.

Eu me achava injustiçado, incompreendido, mas na realidade eu é que não fui justo com aqueles que me amavam, eu é que não compreendi o verdadeiro sentido da vida.

Mas se ontem erramos, hoje temos a oportunidade de corrigir nossos erros e esperar por um futuro feliz.

Fiquem em paz.



                        Cirilo (26/07/08)