Minha cabeça dói...

 

 

Que dor de cabeça! Não há nada que faça essa dor de cabeça passar. Minha cabeça parece que vai explodir em algumas horas. É um desespero sem fim, um tormento diário que carrego há anos comigo.

Mas eu sei que eu fui culpada por isso. Eu sei que a causa dessa dor infinita foram as drogas, foi o abuso que eu fiz delas.

Minha cabeça dói tanto, tanto...

Mas já faz tanto tempo que o meu corpo está morto e enterrado a muitos metros debaixo da terra, que o meu corpo se foi, mas o estranho é que tudo que eu fiz com ele quando eu estava vivo ainda reflete em mim de alguma maneira.

Eu não tenho mais corpo mas sinto muita dor, sinto como se eu estivesse viva, com a diferença que as pessoas não me vêem e não me ouvem mais e o acesso às drogas não é mais possível, pelo menos diretamente.

Com o tempo, acabei aprendendo outras formas de conseguir usufruir das drogas, através de pessoas que ainda estão vivas e são usuárias. É só ficar encostada nelas que você consegue se ligar e sentir o efeito das drogas.

Mas isso já não tem mais graça, isso já não me satisfaz. Não sei mais o que fazer, não sei para onde ir, essa dor que me persegue desde que eu morri, não me dando paz e sossego.

Estão conversando comigo e vou seguir com eles para um lugar onde dizem que eu serei tratada por médicos, que essa dor de cabeça que sinto aos poucos desaparecerá e que eu vou reencontrar a paz de espírito.

Obrigada por me ouvir.

 

Jussara (06/06/09)